apresentação

Controle de Som da Página

 

 

O mundo animal é cheio de surpresas e um grande universo para nos inspirarmos,
afinal de contas, tem pai bicho que é muito mais pai do que muita gente pai!

  ..
Seja muito Bem vindo!


Bondade e instinto animal. . .
Um filhote de jaguar, com um mes e tres
dias de vida, é alimentado por uma cadela,
cujo instinto de mãe, a leva
a não reconhecer a fera que lhe
suga o leite. Soni, assim se chama, foi
abandonada pela mãe, à nascença,
no Parque Zoológico de Nova Delhi,
na India. Por dia, suga duas vezes
o leite da cadelinha e outras tres
vezes numa cabra... Soni, não é esquisita, quer é mamar.
A existência,
providencia-lhe o sustento,
para crescer e viver neste mundo de Deus.

Pais Animais

 

Avestruz

Os machos vivem em verdadeiros haréns,
pois para cada macho há cerca de sete fêmeas.
Enquanto elas botam os ovos -em média 50 por estação-,
eles se encarregam de chocar.
Tomam conta dos filhotes
e cuidam da cria até a idade adulta.

Cachorro

O comportamento dos cães em relação aos
filhotes depende muito de sua raça
e do convívio entre o macho e a fêmea.
Os dálmatas, por exemplo,
são bons pais na maioria das vezes.

Cisne

Monogâmico, se acasala só com uma fêmea,
seja na natureza, seja em cativeiro.
O macho ajuda na construção do ninho
e protege os ovos e os filhotes quando
a fêmea precisa sair.
Ensina os primeiros passos
até que fiquem completamente independentes.

Leão

Em cada bando, há um macho dominante.
Se outro competir com ele e vencer,
o novo líder mata os filhotes e
cobre todas as fêmeas para garantir
que toda a cria do bando seja sua.
Defendem o grupo, não necessariamente seus filhotes.

Lobo-guará

Espécie brasileira, que está sendo
reproduzida em cativeiro porque
corre risco de extinção.
Os machos são os responsáveis
pela alimentação da fêmea e da prole.
Ele vai buscar comida,
enquanto a mãe fica com os filhotes.

Orangotango

Os orangotangos machos costumam abandonar
as fêmeas logo que elas ficam prenhas.
Raramente reconhecem os filhotes.
Sobra para as mamães carregar
os filhotes por até quatro
anos agarrando nos seus pêlos.

Pica-pau

O macho fica vários anos com a mesma fêmea.
Constroem o ninho juntos e se
revezam na chocagem dos ovos.
Os filhotes são muito dependentes dos pais.
O macho, além de buscar a comida,
tritura o alimento e coloca
no bico do pica-pauzinho.

Sagui

Entre os primatas, sem contar o homem,
os melhores pais são os saguis.
As fêmeas normalmente têm dois
filhotes a cada gestação.
O macho sempre carrega um dos filhos,
enquanto a fêmea carrega o outro.
Os bebês só trocam de colo na hora de mamar.

Veado

Cabe à mãe a educação dos bambis.
Ela passa o tempo todo lambendo
o filhote para impedir que seu cheiro
seja captado pelos inimigos.
O bambi passa um ano do lado
da mãe para seguir seu caminho.
O pai não participa.

Tigre

Como a maioria dos felinos,
o tigre é um animal de hábitos solitários.
O acasalamento ocorre por cinco dias
contínuos porque a ovulação na tigresa
precisa ser induzida por copulação frequente.
A fêmea afasta o macho logo depois do coito.

 


Foto de uma mãe leopardo com seu filhote

 

Raros filhotes de leão branco

 

Desde que seu filhote nasceu, há duas semanas,

 Aniya, uma gorila de 20 anos,

não saiu de perto do pequeno primata.

 Os dois moram no safári de Ramat Gan, próximo a Tel Aviv

 

Lisha, uma mãe pra niguem botar defeito

Uma cadela labrador de nove anos de idade
vem garantindo o bem-estar de vários
filhotes de animais selvagens
há nove anos na África do Sul.

Lisha, a labrador, atua como mãe
adotiva dos filhotes orfãos ou
rejeitados pelas mães
biológicas no Cango Wildlife Ranch,
um parque em um rancho na
região de Oudtshoorn, na África do Sul.

"Ela já cuidou de mais de 80 animais",
afirma o proprietário da cadela, Rob Hall,
que é diretor do parque.
"Os filhotes a tratam como se fosse mãe,
tentam mamar nas tetas dela,
pulam em cima dela,
mordem as orelhas... e ela também cheira,
lambe e cuida dos filhotes."

Hall conta que, quando chegou ao rancho,
a antiga moradora tinha uma
labradora que havia cuidado
de um filhote de leão rejeitado pela mãe biológica.

 

Os labradores e os retrievers são raças
conhecidas por sua docilidade", disse Hall à BBC Brasil.
Eles normalmente agem como mães adotivas, se preciso.

Espécies ameaçadas

O rancho abriga 47 espécies de animais e répteis,
incluindo espécies ameaçadas. Lisha já "adotou"
filhotes de leopardo, tigre, um hipopótamo pigmeu,
uma espécie de raposa local e até um porco-espinho.


"Eu diria que Lisha esteve envolvida com filhotes
de outras espécies que precisavam de cuidados
desde as oito semanas de vida", diz Hall.
"Nossa casa sempre esteve cheia desses filhotes,
a gente trazia eles para cá,
Lisha se interessava e começava a conviver com eles."

"Alguns dos vizinhos também deixam animais selvagens,
que eles encontram feridos, para que nós cuidemos.
Teve uma vez que Lisha cuidou de oito
filhotes de leopardo de uma vez", recorda.
"Só de leopardos, acho que ela já cuidou de mais de 30.
No momento, ela está cuidando de três filhotes de tigre branco, lindos."

 

Lisha ja adotou felinos selvagens como o filhote da foto

 

Instinto

Lisha nunca foi ferida por nenhum dos filhotes,
mas uma vez que eles passam a comer alimentos sólidos,
normalmente são levados para outra instalação,
ou são soltos no parque.

Quando isso acontece, diz Hall,
o contato entre a mãe e os filhores adotivos termina.
"O instinto predador dos
felinos é muito forte", afirma o diretor do parque.

"Normalmente, trazemos uma caixa com os filhotes
rejeitados para casa, ela vem, cheira os filhotes,
começa a lambê-los e começa a cuidar deles imediatamente",
descreve Hall. "Acho que é parte da personalidade dela."

Apesar do forte instinto maternal, Lisha nunca teve uma ninhada própria.

A cadela Holly, adotou uma jaguatirica, Nino, depois de perder seus filhotes.

>


Gata amamenta em maio de 2007 cãezinhos
órfãos na cidade de Mamurras,
que fica a 50 quilômetros de Tirana, na Albânia.
(Foto: Arben Celi/Reuter

 

Jila, uma gata de apenas dez dias,
foi ‘adotada’ pela cadela Granpong, de um ano
, na província tailandesa de Ayutthaya.
A cena foi flagrada em setembro de 2008.

(Foto: Reuters)

 

 

India amamentando um filhote de porco-do-mato,
como tambem faz com outros filhotes
de animais silvestres, como o lobo-guará.

 

Familia leões