*


 

Não tente me decifrar...


Eu sou, eu posso, eu declaro... Eu afirmo. Sou O que Deus diz quem sou... Vencedora. e você? faça sua escolha? Não tente... seja, Não pense, creia. Não duvide. Você Pode.

 Sirlei L. Passolongo


Tenho 53 anos ,Vivo em Sorocaba interior de São Paulo .Amo os Felinos, e minha outra paixão e o PSP programa de edição de imagens,onde aprendi lindas artes deixo aqui um pouco de cada uma delas, e um pouquinho de todas as ,Belas Artes que nos fazem bem aos Olhos e a Alma .Sejam

 Bem Vindas(os)!



Não maltrate os animais!

"Não maltrate os animais!
São também filhos de Deus e irmãos nossos menores, que não adquiriram a faculdade do
raciocínio abstrato.
Mas são amigos que precisam de nossa ajuda e carinho.
Não lhes imponha trabalhos demais.
Alimente-os bem.
Trate-os em suas enfermidades.
Faça com essas criaturas de Deus, que dependem de você, o mesmo que você gosta de receber
ddos Anjos do Bem."








Penso examente como ele  Chaplin

Poema de Charles Chaplin

Cada um tem de mim exatamente o que cativou,

e cada um é responsável pelo que cativou,

não suporto falsidade e mentira,

a verdade pode machucar,

mas é sempre mais digna.

Bom mesmo é ir a luta com

determinação, abraçar a

vida e viver com paixão.

Perder com classe e

vencer com ousadia,

pois o triunfo pertence a quem

mais se atreve e a vida é

muito para ser insignificante.

Eu faço e abuso da felicidade

e não desisto dos meus sonhos
.
O mundo está nas mãos daqueles

que tem coragem de sonhar

e correr o risco de viver seus sonhos.

Charles Chaplin


Eu acho que Deus, ao criar o universo,

 pensava numa única palavra: Jardim!

 Jardim é a imagem de beleza,

harmonia, amor, felicidade.

 Se me fosse dado dizer uma

 última palavra, uma única

palavra, Jardim seria a

 palavra que eu diria.

RRubem Alves

 






Hist�rico:

- 10/06/2012 a 16/06/2012
- 13/05/2012 a 19/05/2012
- 08/04/2012 a 14/04/2012
- 18/12/2011 a 24/12/2011
- 09/10/2011 a 15/10/2011
- 25/09/2011 a 01/10/2011
- 14/08/2011 a 20/08/2011
- 07/08/2011 a 13/08/2011
- 31/07/2011 a 06/08/2011
- 17/04/2011 a 23/04/2011
- 27/03/2011 a 02/04/2011
- 13/03/2011 a 19/03/2011
- 06/03/2011 a 12/03/2011
- 23/01/2011 a 29/01/2011
- 16/01/2011 a 22/01/2011
- 26/12/2010 a 01/01/2011
- 12/12/2010 a 18/12/2010
- 05/12/2010 a 11/12/2010
- 28/11/2010 a 04/12/2010
- 10/10/2010 a 16/10/2010
- 19/09/2010 a 25/09/2010
- 12/09/2010 a 18/09/2010
- 25/07/2010 a 31/07/2010
- 09/05/2010 a 15/05/2010
- 25/04/2010 a 01/05/2010
- 28/03/2010 a 03/04/2010
- 07/03/2010 a 13/03/2010
- 28/02/2010 a 06/03/2010
- 21/02/2010 a 27/02/2010
- 14/02/2010 a 20/02/2010
- 07/02/2010 a 13/02/2010
- 17/01/2010 a 23/01/2010
- 03/01/2010 a 09/01/2010
- 27/12/2009 a 02/01/2010
- 20/12/2009 a 26/12/2009
- 13/12/2009 a 19/12/2009
- 06/12/2009 a 12/12/2009
- 29/11/2009 a 05/12/2009
- 15/11/2009 a 21/11/2009




Design by Leny
Reprodu��o interdita



Controle de Som da Pagina

 

Leny

Voçe não é uma madrinha
Rs rs rs

voçe é uma mãezona para

nós,sempre nos ajudando

ensinando e presenteando.

quero deixar aqui o meu

 muito obrigado,por

tudo que aprendi e

estou a aprender contigo.



 ;es.

Apenas sou assim

sincera e transparente.

Mas uma vez obrigada por

 tudo, e por este lindooooo!!

Jardim!  Ameiii!! de coração mesmo!

Beijão minha amiga.


 
Leny

Que você seja como uma borboleta nos

 oferecendo sempre a beleza, a alegria,

 o perfume e a humildade.

Dalva

 

"Linda Arte" espere carregar e clik no pincel

Linda mensagem Natal

Espere carregar clik no Anjinho,para

ver novamente

clik abaixo em Play.

Veja mais no site abaixo

http://www.jacquielawson.com




DEUS NEGRO

Eu, detestando pretos,

Eu, sem coração!…

Eu, perdido num coreto,


Gritando: “Separação”!

Eu, você, nós… nós todos,

Cheios de preconceitos,

Fugindo como se eles carregassem lodo,

Lodo na cor…

E com petulância, arrogância,

Afastando a pele irmã.


Mas

Estou pensando agora:

E quando chegar minha hora?

Meu Deus, se eu morresse amanhã, de manhã!

Numa viagem esquisita, entre nuvens feias e bonitas,

Se eu chegasse lá e um porteiro manco
,
Como os aleijados que eu gozei, viesse abrir a porta,

E eu reparasse em sua vista torta, igual àquela que eu critiquei

Se a sua mão tateasse pelo trinco,

Como as mãos do cego que não ajudei!

Se a porta rangesse, chorando os choros que provoquei!

Se uma criança me tomasse pela mão,

Criança como aquela que não embalei

E me levasse por um corredor florido, colorido,

Como as flores que eu jamais dei!

Se eu sentisse o chão frio,

Como o dos presídios que não visitei!

Se eu visse as paredes caindo,

Como as das creches e asilos que não ajudei!

E se a criança tirasse corpos do caminho,

Corpos que eu não levantei

Dando desculpas de que eram bêbados, mas eram epiléticos,

Que era vagabundagem, mas era fome!


Meu Deus!

Agora me assusta pronunciar seu nome!

E se mais para a frente a criança cobrisse o corpo nu,

Da prostituta que eu usei,

Ou do moribundo que não olhei,

Ou da velha que não respeitei,

Ou da mãe que não amei!…

Corpo de alguém exposto, jogado por minha causa,

Porque não estendi a mão, porque no amor fiz pausa e dei,

Sei lá, só dei desgosto!


E, no fim do corredor, o início da decepção!

Que raiva, que desespero,

Se visse o mecânico, o operário, aquele vizinho,

O maldito funcionário, e até, até o padeiro,

Todos sorrindo não sei de quê!

Ah! Sei sim, riem da minha decepção.


Deus não está vestido de ouro! Mas como???

Está num simples trono:

Simples como não fui, humilde como não sou.


Deus decepção!

Deus na cor que eu não queria,

Deus cara a cara, face a face,

Sem aquela imponente classe.


Deus simples! Deus negro!

Deus negro!?


E Eu…

Racista, egoísta. E agora?

Na terra só persegui os pretos,

Não aluguei casa, não apertei a mão.


Meu Deus você é negro, que desilusão!


Será que vai me dar uma morada?

Será que vai apertar minha mão? Que nada!


Meu Deus você é negro, que decepção !


Não dei emprego, virei o rosto. E agora?

Será que vai me dar um canto, vai me cobrir com seu manto?


Ou vai me virar o rosto no embalo da bofetada que dei?


Deus, eu não podia adivinhar.

Por que você se fez assim?

Por que se fez preto, preto como o engraxate,

Aquele que expulsei da frente de casa!


Deus, pregaram você na cruz

E você me pregou uma peça:

Eu me esforcei à beça em tantas coisas,

E cheguei até a pensar em amor,

Mas nunca,

Nunca pensei em adivinhar sua cor!…


Neimar de Barros





- Postado por: Artes �s 00h40
[ ] [ envie esta mensagem ]





Não tenho tempo...

Neimar de Barros

Não Tenho Tempo

Sabe meu filho, Até hoje não

tive tempo para brincar com você.

Arranjei tempo para tudo,

Menos para ver você crescer.

Nunca joguei dominó, dama,

xadrez ou batalha naval com você.

Percebo que você me rodeia,

Mas sabe, sou muito

importante e não tenho tempo...

Sou importante para números,

convites-sociais,

Uma série de compromissos inadiáveis...

E largar tudo isso para

sentar no chão com você...

Não, não tenho tempo !

Um dia você veio com o caderno

da escola para o meu lado,

Não liguei, continuei lendo jornal.

Afinal, os problemas internacionais

São mais sérios que os da minha casa.

Nunca vi seu boletim nem

sei quem é sua professora,

Não sei nem qual foi

sua primeira palavra,

Também, você entende...

não tenho tempo...

De que adianta saber as

mínimas coisas de você

Se eu tenho outras

grandes coisas a saber?

Puxa, como você cresceu!

Você já passou da minha cintura.

Está alto! Eu não havia reparado isso.

Aliás, não reparo quase nada,

minha vida é corrida,

E quando tenho tempo,

prefiro usá-lo lá fora.

E se uso aqui, perco-me

calado diante da TV,

Porque a TV é importante

e me informa muito... Sabe,

meu filho...

A última vez que tive

tempo para você,

foi numa cama,

Quando o fizemos!

Sei que você se queixa,

Que você sente falta de uma palavra,

De uma pergunta minha,

De um corre-corre,

De um chute na sua bola.

Mas eu não tenho tempo...

Sei que você sente falta

do abraço e do riso,

Do andar-a-pé até a padaria

para comprar guaraná,

Do andar-a-pé até o jornaleiro para comprar

"Pato Donald", Mas sabe, há quanto

tempo não ando a pé na rua?

Não tenho tempo...

Mas você entende,

sou um homem importante,

Tenho que dar atenção

a muita gente, Dependo delas...

Filho, você não entende de comércio...!

Na realidade, sou um homem sem tempo!

Sei que você fica chateado,

Porque as poucas vezes

que falamos é monólogo, só eu falo.

E noventa e nove por cento é bronca:

Quero silêncio, quero sossego!

E você tem a péssima mania

de vir correndo sobre a gente,

Você tem mania de querer

pular nos braços dos outros...


Filho, não tenho tempo para abraçá-lo,

Não tenho tempo para ficar

com papo-furado com criança.

Filho, O que você

entende de computador,

comunicação, cibernética,

Racionalismo?

Você sabe quem é Marcuse, Mac Luan?

Como é que vou parar

para conversar com você?

Sabe filho, Não tenho tempo,

mas o pior de tudo,

O pior de tudo é que...

Se você morresse agora,

já, neste instante,

Eu ficaria com um peso na

consciência Porque até hoje

Não arrumei tempo para

brincar com você,

E na outra vida, por certo,

Deus não terá tempo de me

deixar, pelo menos , vê-lo!



(Nunca diga a seu filho : Não tenho tempo. –

Um grande alerta em especial

dirigido a todos aqueles que

costumam dizer: Não tenho tempo.)






 



- Postado por: Artes �s 20h11
[ ] [ envie esta mensagem ]









Meus trabalhos no PSP

Materiais PSP

Meu Jardim

Meus Diplomas

Natal no Jardim



Reveillon 2010 Entre

Presentes Amigos Forum

Presentes Recebidos










Mimos Pra vo�e

Camera digital foto na hora












Mimos Recebidos

Pr�mios Concursos Forum Leny










Nao deixe o gatinho te pegar passe o mause

Poesias gatos

Links Gifs Gatos e outros gifs

Imagens

Breve


Breve








Dia das Maes

Dia dos Pais.

Dia das criancas

Nossa Senhora da Conceicao Aparecida

Natal


Dia mulher

 Breve

Breve










award_baudaleny

 

 





width==






Clique Aqui

O melhor site de GIFs!


destaque_baudaleny

Blog 

Destaque do Magia Gifs!

cols="10" name="textarea">



cols="10" name="textarea">



image h�berg�e par photomaniak.com